Banco de Artigos

raizesBONFIM, Luís Américo Silva. Redenções, expurgações e outros casos de reparação post-mortem nas canonizações populares da América do Sul. In Raízes – Revista de Ciências Sociais e Econômicas, v. 34, n. 2, jul-dez/2014. Campina Grande-PB, Brasil, 2014. Resumo: Este artigo analisa alguns casos de devoções não-canônicas no Brasil, Argentina, Chile e Venezuela, com o objetivo de compreender os diversos mecanismos de reparação post-mortem, requisitos para a consagração dos santos populares. Apresenta-se aqui um segmento dos resultados de uma pesquisa etnográfica que originalmente abordou as práticas devocionais e votivas na América do Sul e localizou, entre outras taxonomias, um vigoroso complexo de motivações sociais fundadas na comoção coletiva ante uma morte que, em dada medida, viole ou acentue os vínculos de coesão social. Como resultado, foi possível estabelecer um quadro de referência dinâmico que, ao modo esquemático do “martirológio romano”, situa as motivações devocionais em dois grandes grupos: o de exaltação de virtudes e o da reparação de martírios, lato sensu. Concluiu-se que a matriz religiosa católica, de decisivo impacto na formação da moral sulamericana, imprimiu um modelo de produção de crenças e práticas livremente interpretado pelas populações, e que se renova de acordo com as demandas de cada tempo e espaço. Palavras-chave: Canonizações Populares; Morte; Coesão social; América do Sul.

 

5133_616614695040757_2109442154_nBONFIM, Luís Américo Silva. Lavagem do Bonfim: Tradições e Representações da Fé na Bahia. In Muitos textos… Tantas palavras. 1o Ano Ensino Médio/SESI-SP. 1. ed. São Paulo-SP: SESI, 2012. Resumo: Trata-se de uma reflexão sobre a Lavagem do Bonfim pós-Dom Lucas Moreira Neves, quando, há aproximadamente vinte anos, os espaços entre o sagrado e o profano, o espontâneo e o institucional, também eram motivo de entreveros nas festas de largo da capital baiana.

 

capa_campos_ufprBONFIM, Luís Américo Silva. A expressão votiva católica na época de sua reprodutibilidade técnica. In Campos – Revista de Antropologia Social, v. 13, n. 1, 2012. Curitiba-PR, Brasil, 2012. Resumo: Este artigo problematiza as qualidades da originalidade e do valor estético nas artes votivas derivadas do catolicismo brasileiro. Ao partir do pressuposto de que “artes votivas” são as práticas e produções simbólicas que envolvem a consagração, renovação e pagamento de promessas – em geral culminadas pelos ex-votos – foi possível, a partir de exaustivo trabalho de campo, elaborar um inventário que envolveu mais de noventa sítios devocionais na região nordeste do Brasil, e se desdobrou em sistemas taxonômicos de diferentes níveis etnológicos. Em questão, o texto discute o posicionamento destes artefatos de produção espontânea dentro do universo artístico e dos bens reputados como testemunhos autênticos do imaginário popular e da memória social brasileira. Além disso, apresenta o fenômeno da seriação sobre as formas expressivas das ofertas gratulatórias, considerando as dimensões de ruptura e renovação que emergem dos diversos espaços de sua manifestação. Palavras-chave: Ex-votos; Catolicismo popular; Dádiva; Reprodutibilidade; Memória. DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cam.v13i1.28261

Anúncios